sábado, 10 de junho de 2017

Carta Missionária (XI)


"Hoje, Domingo, estou sozinha.
Dizer que estou feliz é pouco. Me sinto nos Braços do meu Deus. Aqui num País onde ninguém me conhece, posso fazer compras à vontade.
Tanta gente me escreveu, desculpe-me pela demora em respondê-la.
Todos aí acham estranho a minha vida de hoje mas a  renúncia é necessária.
Estou recebendo a História de Uma Alma de Santa Terezinha.
Nossas cartas se cruzarão, certamente!
Não tenho problema algum com a acomodação. Pedro é verdadeiramente  faterno e vai resolvendo tudo. Abandonada à fé, de Deus, considero-me um na dor.
São perfeitamente inúteis os nossos planos, Deus os desfaz para melhroes, como você vê que se passou comigo.
Deus a abençoe!
Beijos
P.S. O padre precisava de mim para redigir algo e fui chamada com urgência."

3 comentários:

  1. Belíssima carta querida amiga ,muitos beijinhos no coração.

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, irmã em Cristo.

    Que Deus continue abençoando seus passos e acalmando seu coração para cada missão.
    Beijos e feliz final de semana.

    ResponderExcluir
  3. Querida Rosélia, que você continue abençoada e nos braços de Deus com essa fé inabalável. Um anoitecer de muita paz e um despertar abençoado para um início de semana de muita saúde e felicidade. Abraçoss

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu ardor missionário.