sábado, 17 de dezembro de 2016

O Dom do Temor de Deus


 Os  Sete  Dons  do  Espírito Santo

O Dom do Temor de Deus

                 
As virtudes afastam o cristão do pecado, ajudam-no a vencer as tentações. Isso, porém, acontecer por meio de lutas, hesitações e deficiências. Pelo dom do temor de Deus a vitória é rápida e perfeita, pois é o Espírito que move o cristão a dizer ‘não’ à tentação É muito bom contemplarmos a Deus com olhos de amor, confiança e terna reverência, mas é também muito bom nunca esquecer que Ele é o Juiz de justiça infinita, diante de quem um dia teremos que responder pelas graças que nos concedeu. Essa lembrança dá-nos também um santo temor de ofendê-lo pelo pecado.                                                                                                                                                    
.O dom do temor de Deus se prende à virtude da humildade. Essa nos faz conhecer nossa miséria; impede a presunção e a vanglória, e assim nos torna conscientes de que podemos ofender a Deus; daí surge o santo temor do Senhor. O mesmo dom também se liga à virtude da temperança; esta modera a concupiscência e os impulsos desordenados do coração, as paixões da alma; com ela converge o temor de Deus, que modera os apetites que poderiam ofender o Pai.
Os santos deram provas sensíveis de santo temor de Deus. São Luís de Gonzaga, conforme é narrado, derramou copiosas lágrimas, certa vez, quando teve de confessar suas faltas… as quais, na verdade, dificilmente poderiam ser tidas como pecados. Para o santo, essas pequeninas faltas eram sinais do perigo de poder, um dia, afastar-se de Deus. Para quem ama, qualquer perigo desse tipo tem importância.
Verdadeiramente teme a Deus quem procura praticar  os seus mandamentos com sinceridade de coração.  Como nos diz a Sagrada Escritura, devemos buscar, em primeiro lugar, o Reino de Deus; o resto nos será dado por acréscimo.  O mundo, muitas vezes, sufoca e obscurece nosso coração. Todas as vezes que  cedemos às tentações, com certeza desprezamos a Deus Nosso Senhor. Quantas vezes  preferimos  os bens miseráveis deste mundo e esquecemo-nos de Deus! Quantas vezes tememos mais a justiça dos homens do que a justiça divina, a única realmente que nos salva! Santo Anastácio a esse respeito dizia: “A quem devo temer mais, a um homem mortal ou a Deus, por quem foram criadas todas as coisas?”.
Como consequência, o dom do temor de Deus nos leva a fugir do pecado. São Agostinho disse: “Eu pecava, porque em vez de procurar em Deus os prazeres, as grandezas e as verdades, procurava-os nas suas criaturas: em mim e nos outros. Por isso, precipitava-me na dor, na confusão e no erro”. “O que ama a iniquidade odeia a sua alma” (Sl 10,6). Daí provém o motivo de a alma tornar-se enferma e encontrar tormentos em seu corpo mortal”. “Quanto mais for destruído o reino da concupiscência, tanto mais aumentará o da caridade”.

9 comentários:

  1. B🌻m d😄a, querida!
    Eu amodoro os dons do Espírito Santo.Mas o temor a Deus, é tudo que nos salva a cada dia.
    Feliz Natal e um próspero Ano Novo.Especialmente, saúde sobre os seus, amiga.

    ResponderExcluir
  2. Boa noite Roselia.
    Amei ler as suas palavras. Quanto mais buscamos a Deus, mas nós afastamos dos pecados. Lhe agradeci no blog do feoctomocitona pelo lindo presente. Uma feliz semana. Forte abraço.

    ResponderExcluir
  3. Feliz Natal, querida Roselia com paz e imenso amor.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Es humilde el que se reconoce tal como es: su propia verdad, su realidad, sus límites. Sabiendo que todo es don de Dios. Gracias hermosa reflexión, que Dios la bendiga siempre, y llene su corazón de su amor, que la llegada del nuño Dios llene su hogar y su vida, un fuerte abrazo fraterno, cerca esta el Señor.

    ResponderExcluir
  5. La vida te presenta grandes regalos de Dios en el camino, gracias por ser unos de esos bellos regalos de Dios para nosotros que nos acercamos aquí, que María sea siempre tu modelo a seguir como Madre y esposa, un gran y fuerte abrazo . se acerca el Señor.

    ResponderExcluir
  6. É verdade, temos tantas coisas boas na vida e pouco agradecer.
    Quero te desejar um feliz natal e um ótimo ano novo e agradecer o carinho e amizade.
    Bjos e até 2017.

    ResponderExcluir
  7. São s maus hábitos, os vícios no corpo que nos fazem pecar. Temos que, assim que estivermos prestes a fazer um mau hábito, cortá-lo com a espada da razão!! Gostei muito do seu blog!!

    ResponderExcluir
  8. ¡FELIZ NAVIDAD! que el niño Dios habite siempre en su corazón y en toda su familia que el llene su vida y las de su familiares son mis deseo para usted, Jesús no se ha limitado a encarnarse o a dedicarnos un poco de tiempo, sino que ha venido para compartir nuestra vida, para acoger nuestros deseos. Porque ha querido, y sigue queriendo, vivir aquí, junto a nosotros y por nosotros. Un gran y fuerte abrazo fraterno.

    ResponderExcluir
  9. Muitas felicidades para 2017, querida Roselia.
    Beijo

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu ardor missionário.